sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

1 ANO DE ORDENAÇÃO SACERDOTAL DE PADRE CLAYTON ALVES


No dia 10 de janeiro de 2017 Padre Clayton alves celebrou o primeiro ano do segundo grau da ordem, seu sacerdócio.

Com muita alegria que esse dia foi comemorado! 



Se fizeram presentes na Santa missa em louvor ao aniversário de seu ministério Padres, seminaristas, amigos, e fiéis que têm a graça de tê-lo na nossa Paróquia do Senhor do Bonfim.


Em uma bela homilia, Padre Antônio da Paróquia São José Esposo de Senhor do Bonfim – BA, fez menção ao Sacerdote dizendo que “ o Padre é o homem do pão, do perdão e da palavra”, referindo-se a necessidade de alimentar a todos com o Cristo o qual o Sacerdote é autoridade discreta.
Complementou dizendo que o amor de Cristo se manisfesta a nós pelo sacerdócio. E ainda em sua preleção Pe. Antônio pediu ao Reverendíssimo Pe. Clayton que viva a autoridade de Cristo em seu Sacerdócio.



Durante o momento de homenagens, os coroinnhas lembraram de como eles são tratados como filhos, e as crianças da catequese emocionaram a todos com a música de Padre de Antônio Maria entitulada de “O Padre”, que sua letra diz:
Eu tenho certeza que não há riqueza maior que o amor que há em toda missa
Em cada clamor que esse homem santo leva Deus no canto
Que transforma o coração


Padre Clayton em sua fala agradeceu e pediu desculpas pelas vezes que não foi a presença de Cristo nas nossas vidas e pede que sempre tenha uma segunda chance para levar Jesus a cada um de nós. 



Nós agradecemos a Deus pelo sua vocação e por todas as vezes que foi a presença de Cristo com seu  sorriso tão presente em todos os momentos, com seus abraços fraterno e pelas suas sempre sabias palavras.

O PADRE
Pe. Antônio Maria
Sofre coração que chega o zóio mareja
Que peleja de missão
Sobre a estola desse homem que clareia
Nos caminhos a visão
A pedra fundamental da nossa Igreja
O sangue, o vinho, a carne e o pão
Pelas mãos de quem trabalha nessa mesa
A transubstanciação

Eu tenho certeza que não há riqueza maior que o amor que há em toda missa
Em cada clamor que esse homem santo leva Deus no canto
Que transforma o coração
Quem busca a esperança no olhar de uma criança
Vê que é importante para um país uma Igreja Santa
E na comunidade onde mora um Padre
O povo vive mais feliz
Às vezes cedo o desejo bate à porta
Vai seguir a vocação
A saudade em seu peito é contratempo
Deus segura em sua mão
Como pai que dá a vida por seus filhos
O Padre doa o seu viver
Farol que indica rumo no mundo perdido
Quem abre os olhos pode ver
Eu tenho certeza que não há riqueza maior que o amor que há em toda missa
Em cada clamor que esse homem santo leva Deus no canto
Que transforma o coração
Quem busca a esperança no olhar de uma criança
Vê que é importante para um país uma Igreja Santa
E na comunidade onde mora um Padre
O povo vive mais feliz